Diretor Técnico Sérgio Rogério Skrobot R.Q.E. 2950 | CRM 1775

Botox intravesical

Pacientes com diagnóstico de Bexiga Hiperativa, no qual, tratamento clínico com medicamentos e medidas comportamentais não apresentam melhora dos sintomas, podem se candidatos à injeção de toxina bolutínica (Botox), na bexiga. Com anestesia geral, aplica-se Botox em 30 pontos da bexiga por meio de uma endoscopia realizada no canal da uretra.Funciona como no tratamento antirrugas. O botox paralisa o músculo da bexiga, que não vai contrair involuntariamente e impedirá que a pessoa sinta uma vontade incontrolável de urinar. Assim como na estética, a durabilidade é de 6 a 9 meses. É necessária a reaplicação após este período. Os pacientes podem apresentar episódio de retenção urinária após aplicação.